Portal do Governo Brasileiro
Página InicialNotícias → Concluintes do curso técnico em Informática usam a Eletrônica para criar projetos inovadores

Concluintes do curso técnico em Informática usam a Eletrônica para criar projetos inovadores

Casas automatizadas, onde alarmes, luzes e portões são controlados à distância, parecem elementos da ficção? Não mais. Com muita criatividade, o estudante Rafael Kellwis da Silva, de 21 anos, concluinte do curso técnico em Informática do câmpus Salgueiro do IF Sertão-PE, desenvolveu um projeto que traz para a realidade, de forma acessível, as facilidades tecnológicas vistas no cinema. Ele criou um sistema de automatização eletrônica para que qualquer pessoa possa controlar a rede elétrica da própria residência sem sair do lugar.

A ideia surgiu a partir de uma conversa entre amigos, quando Rafael foi apresentado ao Raspberry, um micro computador do tamanho de um cartão de crédito. “Começamos a falar na possibilidade de usá-lo para programar o sistema elétrico de casa, controlando o ar condicionado, as luzes, portões, por exemplo, sem precisar mexer em controles remotos. Encomendei o micro e passei quase dois meses estudando o seu funcionamento. Depois, o projeto foi só ganhando corpo e crescendo”, explicou o estudante.
Com a proposta bem estruturada na cabeça, ele pesquisou iniciativas semelhantes para atestar a viabilidade, e descobriu que além de possível, o projeto tinha uma vantagem: poderia ser feito com baixo custo. “Toda automatização residencial que encontrei tinha um equipamento complexo e caro, difícil de ser utilizado por pessoas comuns. Com o Raspberry é diferente, basta adquirir o computador – que custa menos de 50 dólares – , e alguns relés, peças que controlam a corrente elétrica do local a ser automatizado. A programação do sistema é fácil de ser realizada, e como não envolve licenças comerciais, não tem despesa para o usuário. Ele pode utilizá-lo pelo celular ou qualquer computador ligado à internet”, disse Rafael.

informaticaOs projetos foram elogiados por professores e coordenadores

A residência automatizada foi apresentada, em forma de maquete, como Trabalho de Conclusão de Curso,  na última quarta-feira (25). Agora, o estudante pretende trazê-la para a própria realidade. “Quero implantar na minha casa, que estou terminando de construir. Já adaptei toda a rede elétrica e espero colocar tudo em prática em breve. Nunca mais vou precisar levantar para ligar o ar condicionado ou a TV”, brincou.
Além do sistema criado por Rafael, outra ideia inovadora que marcou as apresentações de TCC do curso de Informática foi a bengala eletrônica produzida pelo aluno Athos Silva Lima. O instrumento foi desenvolvido utilizando canos de pvc e um micro controlador que emite avisos sonoros ao se aproximar de algum objeto. O objetivo é facilitar o deslocamento, em ambientes variados, de usuários com baixa ou nenhuma visão. Para a coordenadora do curso, Alice Freitas, tanto esta quanto a ideia da casa automatizada refletem a criatividade dos estudantes para envolver a Informática e a Eletrônica na solução de problemas cotidianos. “A iniciativa deles nos deixou muito felizes. Ambos tiveram a proatividade de buscar materiais acessíveis e adaptar cada projeto a possibilidades reais de utilização. Foi uma satisfação para todos que compõem a coordenação”, avaliou.

Por: Gabriela Lapa / Ascom

Última atualização (Sex, 27 de Fevereiro de 2015 17:10)

 
A Rede
Quem está online
Nós temos 2 visitantes online
Agenda / Eventos
<<  Nov 2019  >>
 Do  Se  Te  Qu  Qu  Se  Sá 
       1  2
  3  4  5  6  7  8  9
10111213141516
17181920212223
24252627282930

.:: ACESSO RÁPIDO

Portal Siapenet Transparência Pública

CNPq CAPES

periodicos REDENET


.:: OUTROS CANAIS

Projeto Político Pedagógico

Mulheres Mil

Comissão de Cooperação Internacional - CCI